Topo
Difácil – Canções para Crianças Serelepes – Just So Brasil
fade
3945
single,single-post,postid-3945,single-format-gallery,eltd-core-1.0,flow-ver-1.0.1,,eltd-smooth-page-transitions,ajax,eltd-grid-1300,eltd-blog-installed,page-template-blog-standard,eltd-header-vertical,eltd-sticky-header-on-scroll-up,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-dropdown-default,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.2,vc_responsive

Difácil – Canções para Crianças Serelepes

Taïs Reganelli é cantora, instrumentista e compositora com mais de 15 anos de carreira independente e três discos autorais lançados entre turnês pelo Brasil, América Central e Europa. Acaba de sair do forno seu quarto álbum, Difácil – Canções para Crianças Serelepes, o mais recente trabalho autoral da cantora que desde 2011 tem dedicado sua voz também ao público infantil. O álbum revela a cantora no auge de sua carreira, com canções de um notável virtuosismo e uma trilha cativante, que tem encantado a crianças e adultos.

 

Difácil chega aos palcos brasileiros após três anos de turnês com os shows infantis Todo o Mundo foi Neném e Eu Também já fui Neném (parte II). Nos dois primeiros shows, o foco esteve nas canções populares de grandes cancioneiros que marcaram o último século, como Chico Buarque, Vinicius de Moraes, Gilberto Gil e Toquinho.

 

Este vasto repertório continua permeando o novo show. O grande sucesso das turnês e a experiência que os músicos adquiriram ao longo dos anos em contato com o público infantil permitiram a Taïs levar para o estúdio um seleto repertório de canções autorais, inéditas e releituras. Entre elas, quatro se destacam:

 

Difácil, composição cativante de Nando Freitas que dá nome ao disco e ao show; é uma grande brincadeira musical de palavras, onomatopeias e antônimos, e que cria logo de início um clima descontraído.

 

Só eu sou eu, de Marcelo Jeneci e Artur Nestrovski, é uma releitura da canção da série Vila Sésamo, sem dúvida conhecida dos que já foram criança.

 

Mosca é uma canção de ninar bem peculiar que conta com a participação de Paulinho Moska como a voz do inseto, em trecho composto a posteriori especialmente para ele.

 

Nino, parceria de Nando Freitas, Suzana Thomaz e Taïs Reganelli, é uma doce homenagem ao filho da cantora que nasceu em 2013, entre a turnê dos shows infantis e a gravação do último disco.

 

No Domingo, 16 de Outubro.