Topo
Sobre a família Just So – Just So Brasil
fade
3667
single,single-post,postid-3667,single-format-gallery,eltd-core-1.0,flow-ver-1.0.1,,eltd-smooth-page-transitions,ajax,eltd-grid-1300,eltd-blog-installed,page-template-blog-standard,eltd-header-vertical,eltd-sticky-header-on-scroll-up,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-dropdown-default,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.2,vc_responsive

Sobre a família Just So

Depois de dois anos de conversas online e uma viagem da Isabela para imersão no Just So Festival 2015, ainda com a mascotinha Letícia na barriga, existia uma imensa expectativa nossa em relação a vinda das “inglesas” ao Brasil.

As míticas figuras de Sarah e Rowan, idealizadoras do evento, constantemente admiradas em suas fotos trajando criativas roupas de festa, adornos exóticos e discreta maquiagem cenográfica, desembarcaram finalmente no país em outubro de 2015, com apoio do British Council, e acompanhadas da divertidíssima amiga e colaboradora Janet.

Foram dias de convivência intensa repletos de reuniões, de planejamentos, mas também de programação cultural e de sol, porque essa é a nossa praia: diversão de qualidade ao ar livre!

Uma semana tão incrível que agora, num momento crucial do projeto em que buscamos por patrocinadores e apoiadores, resgatar essas lembranças nos inspira e motiva a trabalhar com vontade, empenho e paixão redobrados.

Das muitas reflexões resultantes das nossas conversas, algumas foram incorporadas de tal forma que se firmaram como sólidos alicerces, entranhados no ethos da equipe Just So Brasil:

 

  1. O que transforma sonho em realidade não é a oportunidade, mas o trabalho duro, a paixão e a perseverança com a qual nos imbuímos para transpor os obstáculos que encontramos ao longo do caminho.

O Just So Festival começou a ser planejado em 2009 em meio a uma das piores recessões do Reino Unido. Aqui, quando nos dizem educadamente que somos corajosas ou que francamente somos loucas, é inevitável tratarmos do assunto com bom humor e pensarmos nas coincidências da vida, afinal, no início de 2015, nossa capacidade projetiva para vislumbrar o cenários político e econômico era suficientemente otimista para que empreender fosse a única opção possível. Refrear a vontade de realizar o Just So Brasil impactadas por tais conjecturas definitivamente nunca foi opção aceitável.

 

  1. Nem sempre ser a mais qualificada faz de você a mais adequada. Estar verdadeiramente comprometida com as próprias crenças e valores faz toda a diferença.

Sim, somos mães-empreendedoras e definitivamente não somos produtoras de uma grande e conceituada empresa de eventos. Esse fato poderia ser identificado como uma fragilidade nossa, certo? Errado. O fato de estarmos visceralmente apaixonadas à ideia de realizar um evento como este para as nossas próprias famílias e de acreditarmos que essa vontade genuína já nos capacitava a procurar as idealizadoras do festival fez toda a diferença. Afinal, Sarah e Rowan também não eram produtoras de eventos, mas mães que iniciaram suas reuniões na cozinha de casa imaginando como criar algo verdadeiramente especial. Confiança, empatia e coerência foram ingredientes de empoderamento extremamente eficiente e eficazes para que chegássemos até aqui.

 

  1. Existe uma inevitabilidade que transcende cultura e hereditariedade e que, por razões que a própria razão desconhece, aproxima pessoas, através de seus valores e missões, onde quer que elas estejam.

Ter identificado nossas próprias histórias nas histórias relatadas pela Sarah, Rowan e Janet nos aproximou de tal forma da essência do festival que frequentemente nos revisitamos para corrigir nossos percursos internos e externos e dar condições para que o Just So continue nos presenteando com pessoas talentosas, ideias inovadoras e amizades genuínas. Nessa trajetória temos nos reencontrado e (re)encontrado nossa própria tribo.

 

Temos uma imensa gratidão à oportunidade de aprendizagem que a visita de Sarah, Rowan e Janet nos proporcionou. O que sobra é uma saudade imensa de tudo que ainda não conversamos e a certeza de que em outubro a família Just So estará novamente reunida!  

 

Texto lindo da Ana e foto ótima da querida Janet.